Considerando o sucesso que se tem verificado na formação, crescimento e consolidação de alternativas de financiamento às empresas através de iniciativas focadas na capitalização das PMEs em fase de arranque, bem como o objectivo de privilegiar o financiamento empresarial sob a forma de instrumentos de capital ou quase capital com vista a reforçar a capitalização permanente das empresas e evitar o peso excessivo do financiamento bancário nos respectivos balanços, foi publicado no dia 6 de Outubro de 2017 o Decreto-Lei n.º 126-C/2017, que aprovou a criação do Fundo de Coinvestimento 200M (“Fundo 200M”).

Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.